SOBRE A GASTRONOMIA

Postado dia 12 de agosto de 2016, em Pitadas Gastronômicas

Just a little cook

     Estou indo para o segundo período do meu curso de Gastronomia, desde que vesti a dólmã vi que minha responsabilidade e interesse pelo assunto só aumentou. Ainda não encontrei o que realmente gosto de cozinhar, nem qual a melhor forma de faze-lo, mas já compreendi que a gastronomia é uma arte que se modifica juntamente com a evolução dos seres humanos e com as transformações da sociedade.

chefs doing kitchen preparation and service

     Atualmente o que percebo é um cuidado, um estudo cada vez mais aprofundado na elaboração, criação e apresentação de pratos. Receitas são criadas e aperfeiçoadas, ingredientes de diferentes regiões do globo são experimentados. Logo fica claro que o hábito de comer representa muito mais que uma necessidade fisiológica e nutricional. O ato de comer é, na verdade, um momento em que coexistem diversos simbolismos e representações, envolvendo a manutenção de tradições e tabus.

Decoration of fishsalad, Las Dunas Hotel, Estepona, Malaga, Spain

     Na arte de cozinhar não é apenas o sabor que é enaltecido, a beleza e outros aspectos sensoriais também são relevantes. Cozinha é arte e a gastronomia aprimora as técnicas e métodos desenvolvidos ao longo da história. Nessa profissão é preciso ter criatividade, ter um felling, fazer novas texturas, experimentar outros ingredientes, acompanhar novas tendências e ter imaginação.

Close up of a chef hands slicing a lemon

     A gastronomia, é uma arte que desperta sentimentos, alimentando sonhos e lembranças. Ela se apresenta como uma arte de preparar e servir alimentos, que fascina, apaixona e provoca prazer aquele que a respeita em toda a sua complexidade. Ser chef vai além do glamour criado pela mídia, do modismo e da ascensão social, é ser parte de um universo onde convivem intuição, sensibilidade e criatividade, permitindo múltiplas dimensões e integrações.

Comentários

AÍLA ALMEIDA

Leitora compulsiva, levo a vida a assistir filmes, escrever textos que me acalma e fazer bolos. Queria saber desenhar e costurar. Quero passar um tempo em Paris, pular de para quedas, criar mais um cachorro. Queria se poliglota, estudo inglês, francês e italiano a anos. Ao que tudo indica nasci no século errado.

Postado dia 12 de agosto de 2016, em Pitadas Gastronômicas

COMO ÁGUA PARA CHOCOLATE E O VALOR DA COMIDA

 

        Como Água para Chocolate é um filme mexicano de 1992 com roteiro de Laura Esquivel baseado no livro homônimo da mes[...]

LEIA MAIS
Postado dia 12 de agosto de 2016, em Pitadas Gastronômicas

ALEX ATALA NO NETFLIX

    No segundo episódio da segunda temporada de Chef’s Table série documental da Netflix, Alex Atala fala do principal ingrediente em s[...]

LEIA MAIS
Postado dia 12 de agosto de 2016, em Pitadas Gastronômicas

COZINHA É ARTE?

    Esse último fim de semana voltaram as minhas aulas do curso de gastronomia, posso dizer que essa foi efetivamente a aula mais prática que tive até agora. Aprender a identifi[...]

LEIA MAIS
Postado dia 12 de agosto de 2016, em Pitadas Gastronômicas

UM ANO EM CHAMPANHE

 

           Um ano em Champanhe é um documentário da Netflix de 2014, o filme acompanha por um ano toda a produção de vinhos da região francesa, mo[...]

LEIA MAIS