Pitadas Gastronômicas

FICA, VAI TER BOLO!

 

            Sempre gostei do clima de cozinha é uma coisa que me faz bem e como diria o escritor Marcel Proust uma boa comida nos remete ao melhor da vida que seria aconchego, cuidados e acolhimento materno. O cheiro de pão e bolo saindo do forno são imbatíveis em satisfação e boas lembranças. Nesse período que estou em casa descobri que cozinhar não é difícil e inspirada por tudo que me cerca tento aproveitar o máximo das refeições feitas em casa.

alecrim

            O prazer não está apenas no sabor que chega a boca, mas passa pela escolha dos ingredientes, a música que se ouve na cozinha (quase sempre Bob Dylan), o aroma que toma conta da casa (café coado, limão siciliano e alecrim deglaçado são perfumes que dão inveja ao melhor perfumista) e as emoções colocadas no preparo. Essa atmosfera faz com que os pratos mais simples se tornem sofisticados.

temperos

Apesar da desconstrução do ato das refeições, em que cada vez mais as pessoas têm a TV como companhia ou fazem as refeições sozinhas ou em pé. Comida é sonho, saúde e vida, experiência sensorial das melhores, além de civilizacional, superando o ato de uma simples nutrição. É um mundo de cores e diferenças culturais posso ir a França com uma quiche Lorraine, passar pela Itália com uma foccacia ou ficar no sertão com um baião de dois.

quiche lorraine

Mas o melhor de tudo isso é a sensação de desafio e vitória ao produzir uma receita nova, ou aperfeiçoar as antigas. Além de fazer aquele convite sedutor para os amigos: fica, vai ter bolo!

Comentários