SOBRE MÚSICA E COMPOSIÇÕES FEMININAS.

Postado dia 23 de setembro de 2012, em No Gramofone



            Há tempos que não saia de casa, ontem resolvi ir ao teatro para ver o show da Leila Pinheiro, fiquei imaginado que ela iria cantar aquelas músicas que adoro da Bossa Nova, mas não foi isso que aconteceu. O show era uma homenagem às mulheres, com músicas de compositoras femininas, intercalada com trechos da poesia de Adélia Prado, num lapso cronológico em sua grande maioria bem contemporâneo. Mas uma vez não me enganei com a postura da artista, simpática, educada, respeitosa e elegante como todas as pessoas devem ser.


            Fico imaginando esse meu jeito de não ter muita fascinação pelo novo e por esse motivo, não consegui me sintonizar bem com o espetáculo. Penso que sou daquelas pessoas que acha que tudo que está relacionado ao passado tem um gosto melhor. O ponto alto da noite foi a abertura com a interpretação da música Lua Branca da maestrina Chiquinha Gonzaga, precursora de todas as cantoras brasileiras e uma valsa de composição da própria Leila Pinheiro, segundo ela imaginada a partir da obra do mestre Nelson Rodrigues.


            Ver o espetáculo, senti-lo, não tem preço e por isso, a noite já valeu a pena. 

Comentários

AÍLA ALMEIDA

Leitora compulsiva, levo a vida a assistir filmes, escrever textos que me acalma e fazer bolos. Queria saber desenhar e costurar. Quero passar um tempo em Paris, pular de para quedas, criar mais um cachorro. Queria se poliglota, estudo inglês, francês e italiano a anos. Ao que tudo indica nasci no século errado.

Postado dia 23 de setembro de 2012, em No Gramofone

RITA LEE UMA AUTOBIOGRAFIA

Sou uma leitora assídua de biografias e fã da Rita Lee, ler seu texto foi daqueles livros que se faz quase sem respirar. Parece que ler a história da vida de músico tem um to[...]

LEIA MAIS
Postado dia 23 de setembro de 2012, em No Gramofone

ESTÁ TOCANDO NA MINHA PLAYLIST

 

       Nat King Cole- nunca vi ninguém com tamanha classe. A imagem que tenho dele é vestido de branco ao p[...]

LEIA MAIS
Postado dia 23 de setembro de 2012, em No Gramofone

CHEGA DE SAUDADE: A HISTÓRIA E AS HISTÓRIAS DA BOSSA NOVA

 

      A História e as Histórias da Bossa Nova (1990) do jornalista Ruy Castro, é um livro agradável.  Seu rel[...]

LEIA MAIS
Postado dia 23 de setembro de 2012, em No Gramofone

BOWIE NOS LEVA AO FUTURO

 

    Coincidentemente uma[...]

LEIA MAIS