Natureza e Sociedade

A BELEZA DA LÍNGUA ITALIANA

            A aproximadamente um mês iniciei de forma intensa meus estudos da língua italiana. Estou fascinada por sua suavidade, beleza, harmonia, doçura e romantismo. Fui pesquisar sobre suas origens e vi que a Europa tinha uma mistura de vários dialetos originários do latim, que ao longo dos séculos se transformaram nos idiomas francês, português, espanhol, italiano. Francês, português e espanhol são evoluções das cidades mais importantes de suas regiões (Paris, Lisboa e Madri).


            Na Itália foi diferente, isso porque eles nem se constituíam um país só vieram a se unificar em (1861) e, até então, era uma Península de Cidades Estado em guerra entre si, governada por príncipes locais. O povo era dominado pela França, Espanha e a Igreja Católica. Isso pode explicar o fato que durante séculos se falasse dialetos locais incompreensíveis a outras regiões.


            No século XVI um grupo de intelectuais italianos escolheram o dialeto mais bonito e o batizaram de italiano, para isso, foram até Florença no século XIV, a língua usada pelo grande poeta Dante Alighieri. Em 1321 ao publicar A Divina Comédia numa saga por inferno, purgatório e paraíso,  Dante havia chocado o mundo letrado ao não escrever em latim. Seu idioma era o das ruas como seus contemporâneos: Boccaccio e Petrarca. Ele chamava sua obra de o doce novo estilo do vernáculo.

            O idioma que se fala na Itália e que estou fascinada é basicamente o de Dante, adoro essa história porque acredito que nenhum outro idioma tem um linhagem tão artística e talvez tenha sido forjado para expressar os sentimentos humanos. Adoro seu falar cadenciado, fluídico, parece água transbordante, cada palavra me soa como um buquê de flores. Nada mais belo do que l’amor che move Il sole (o amor que move o sol), beleza e poesia em cada palavra.

Comentários

1 Comment

  1. Boa noite, Aila.
    Muito interessante. Não sabia dessas curiosidades sobre a lingua italiana.
    Gosto muito também da lingua. Na minha infância, as músicas italianas faziam muito sucesso no Brasil, eram sempre temas de novela. Tenho amigos italianos e aprendi a falar um pouco, depois que passei a ser fã de Andrea Bocelli me interessei mais ainda.
    Adorei a matéria.
    Obrigada por compartilhar.
    Bjs
    Lúcia

Comments are closed.