DO OUTRO LADO: A HISTÓRIA DO SOBRENATURAL NO BRASIL

Postado dia 03 de setembro de 2014, em Na Estante

            Para quem se interessa pela história dos costumes brasileiros em especial pelo período do século XIX os livros da historiadora Mary Del Priori são uma escolha acertada. Sua última publicação foi o livro Do Outro Lado (2014) que traz a história do sobrenatural e do espiritismo kardecista no Brasil. Sua instigante prosa mostra um país rural que sentia medo da noite e da escuridão e de como os brasileiros acreditaram de tudo um pouco, ido das religiões africanas, a Igreja Católica e o Espiritismo europeu que aqui encontrou grande aceitação.


            Considero o livro importante por explorar aspectos peculiares, essenciais à compreensão de nossa sociedade. A autora mostra de forma detalhada com base em textos da imprensa da época como nossos antepassados lidavam com a questão do sobrenatural num tempo em que a ciência e a razão burguesa triunfavam no mundo e de como o Espiritismo europeu floresceu no Brasil entre pessoas brancas de um nível econômico e social mais elevado do que o restante da população.


            No texto ela mostra fenômenos comuns a época como: as mesas girantes, cartomantes, curandeiros, magnetismos, sonambulismos e outras formas consideradas possíveis de entrar em contato com o mundo sobrenatural. Em suas páginas desfilam personagens peculiares como: pessoas possuídas pelo demônio, curandeiros, sonâmbulos e exorcistas. O livro mostra também a perseguição da Igreja Católica, majoritária como doutrina de fé na época, a imprensa e a nascente República com as práticas não tradicionais de professar a fé.


            Particularmente gostei do livro, leitura leve e agradável que o fiz em duas vezes. Narrativa imparcial baseada em dados reais do período a que se refere. Chama a atenção tanto daqueles que creem, como os que não creem em nada, mas acima de tudo seu maior mérito é abrir mais uma fresta da cortina do passado da sociedade brasileira, procurando compreender nossos costumes cotidianos.

Comentários

AÍLA ALMEIDA

Leitora compulsiva, levo a vida a assistir filmes, escrever textos que me acalma e fazer bolos. Queria saber desenhar e costurar. Quero passar um tempo em Paris, pular de para quedas, criar mais um cachorro. Queria se poliglota, estudo inglês, francês e italiano a anos. Ao que tudo indica nasci no século errado.

Postado dia 03 de setembro de 2014, em Na Estante

O CASAMENTO DE NELSON RODRIGUES

 

Recebi o romance O Casamento (1966) de Nelson Rodrigues no primeiro mês em que fiz assinatura de um clube de leituras, acostumada as suas crônicas estranhei [...]

LEIA MAIS
Postado dia 03 de setembro de 2014, em Na Estante

A POESIA VIRA VIAGEM EM JOÃO CABRAL

 

A Literatura como Turismo (2016) de João Cabral de Melo Neto (1920-1999) nos lembra que o escritor é mais cultuado do que lido. Sua atividade literária f[...]

LEIA MAIS
Postado dia 03 de setembro de 2014, em Na Estante

UMA GARÇA NO ASFALTO DE CLAUDER ARCANJO

 

O mundo dos livros tem seus mistérios e um dos que mais gosto é encontrar pessoas que compreendam o meu amor pelas letras, isso não tem preço. Numa manhã de sábad[...]

LEIA MAIS
Postado dia 03 de setembro de 2014, em Na Estante

DESCOBRINDO O MUNDO COM CLARICE LISPECTOR

 

     Clarice Lispector é um mistério para todos os que se aventuram a entrar em seu mundo. Li “Todos os Cantos”, volume com as [...]

LEIA MAIS