Misturas Filosoficas

AMOR E CÂNCER


            O câncer virou uma dor tão presente que chego a pensar que se trata de uma epidemia. É muita gente sofrendo as impiedades do corpo, padecendo de uma doença capaz de enfraquecer a matéria e a alma. Quando vou a oncologia dá prosseguimento ao meu tratamento, meus olhos vão de encontro a outros olhos languidos, olhos de fim, olhos de tormenta e desespero. 

            Mas uma coisa que percebo é que a vida precisa de esperança, mesmo que esta caminhe em passos lentos sobre o coração dolorido. Sem esperança é impossível caminhar e levar a vida adiante, esse sentimento pode ser alimentado pela fé, imprescindível para se seguir a caminhada.

            Para mim em particular, não lembro de um dia sequer que eu não tenha recorrido aos céus para enfrentar a vida e especial as dificuldades que essa doença impõem, mas quando estou na oncologia sinto uma dor na alma tão grande e vejo notadamente o quanto a vida precisa de amor, é esse sentimento aliado a fé que faz a vida seguir em frente.

            Uma coisa tenho por certo, quem tem câncer tem que ter esperança para saber que não se está no fim, a fé e força da alma são capazes de curar, a minha força está na minha alma. Na oncologia estamos todos juntos na mesma luta pela vida, e o que nos ajudam além de tudo isso são as pessoas que cruzam o nosso caminho, anjos que nos abraçam. Fé, esperança, oração e caridade são sim, capazes de curar.

Comentários

1 Comment

Comments are closed.