RENOIR, DE GILLES BOURDOS

Postado dia 06 de junho de 2017, em Galeria de Arte

 

Renoir (2013) é um filme premiado francês, que fala de grandes figuras da arte, o pintor Pierre-Auguste Renoir e seu filho o cineasta Jean. O filme é centrado em extremos as últimas produções do pintor e as definições do futuro cineasta. A história se passa no período da Primeira Guerra Mundial, a fotografia se destaca logo no início com cores vivas e alegres, refletidas nas paisagens naturais. O cenário e as cores possibilitam ao espectador ver como o pintor via o mundo e quais as diretrizes centrais do Impressionismo, que possibilita ao espectador leveza e bem-estar.

É interessante perceber a transformação do jovem entusiasta da defesa da pátria para um dos maiores cineastas da Europa, é uma família ligada as artes, que é sacudida por uma espécie de triangulo amoroso entre o pai, o filho e a modelo Andrée. Ela traz um tom mais dramatúrgico ao filme e destaca de forma convicta o papel das artes, exigindo para si um papel de destaque na família. A modelo transforma a vida dos dois, é a vida que a casa estava precisando.

Renoir é o tipo de filme para ser apreciado, a estética é o ponto forte, muito mais do que a história, tem ritmo lento, mas tudo acontece, onde o vazio é preenchido por confrontos secretos e desejos refreados. A câmera se movimenta de forma elegante, quase fluídica.  É possível identificar diversos elementos da pintura de Renoir e do movimento Impressionista. Trata-se de um filme artístico, bem distante de histórias e formatos comerciais, acredito que seja uma ótima oportunidade para conhecer o pintor, superando as vãs cinebiografias.

Comentários

AÍLA ALMEIDA

Leitora compulsiva, levo a vida a assistir filmes, escrever textos que me acalma e fazer bolos. Queria saber desenhar e costurar. Quero passar um tempo em Paris, pular de para quedas, criar mais um cachorro. Queria se poliglota, estudo inglês, francês e italiano a anos. Ao que tudo indica nasci no século errado.

Postado dia 06 de junho de 2017, em Galeria de Arte

DI CAVALCANTI MOSTRA O BRASIL COM SUA ARTE

       Emiliano Di Cavalcanti (1897-1976) pintor expoente da Semana de Arte Moderna de 1922 acreditava que “criar é acima de tudo dar substância ideal ao que existe”. Sua [...]

LEIA MAIS
Postado dia 06 de junho de 2017, em Galeria de Arte

O QUE É ALGO SURREAL PARA VOCÊ?

 

          O termo surrealismo tem origem num movimento artístico adotado pelo escritor André Breton, com o objetivo de most[...]

LEIA MAIS
Postado dia 06 de junho de 2017, em Galeria de Arte

CARTIER BRESSON O FOTÓGRAFO DO INSTANTE DECISIVO

     Henry Cartier-Bresson é um fotógrafo francês (1908-2004) considerado um dos maiores fotógrafos de todos os tempos. Ele passou a vida registrando momentos fugazes que jam[...]

LEIA MAIS
Postado dia 06 de junho de 2017, em Galeria de Arte

A ARTE SURREALISTA DE RENÉ MAGRITTE

 

         Depois de conhecer a arte de René Magritte, artista plástico nascido na Bélgica em 1898, é impossível não fazer a as[...]

LEIA MAIS