A Magia do Cinema

AS MELHORES ANIMAÇÕES DO CINEMA

            Animar é dá vida a personagens e objetos. É quando a fantasia torna o impossível possível. Apesar de existir uma lista infindável resolvi escolher quatro filmes de personagens inesquecíveis e marcantes para mim, não importando a técnica mas a mensagem que o filme passa e a vontade que tenho de revê-los quantas vezes desejar.

1) Bambi (Walt Disney, 1942)- conta a história do pequeno cervo Bambi e do desafio de sobreviver ao homem em seu habitat. O filme transcede o tempo, apresentando de forma simples e elegante situações atuais como a degradação ambiental. Cada imagem é um obra de arte, uma pintura, é tanta expressividade que os diálogos são reduzidos a segundo plano.

2) A Noiva Cadáver (Warner Bros, 2005)- Tim Burton é um dos cineastas mais criativos da atualidade. É um animação gótica de muito bom gosto. Vítor filho de peixeiros enriquecidos ia casar com Vitória filha de uma família tradicional, mas pobre. Treinando o ensaio do casamento Vítor coloca a aliança no que acredita ser um galho, mas é a mão da noiva cadáver, morta pouco antes do seu próprio casamento e que espera na floresta alguém que a liberte do mundo dos mortos. O filme desenvolve a metáfora do amor não correspondido. Adoro a ironia ao retratar o mundo dos vivos de forma dura baseada em falsidades e o mundo dos mortos, mais real cheio de cores. O filme é uma fábula adulta de grande apelo visual.

3) Ratatouille (Pixar-Disney, 2007)- esse filme é para mim esperança, amor, criatividade. Quando animais falantes não era mais novidades, um rato na cozinha conseguiu ser a fórmula do sucesso. A paisagem parisiense contribui para a beleza visual. A ideia de que “qualquer um pode cozinhar” é bem forte e mostra que até os mais humildes pode ser o que desejarem. Afinal quando se imaginou que um rato pudesse ajudar um garoto a cozinhar? O rato Remy conduz uma história elegante e maravilhosa que tende a agradar mais os adultos do que as crianças. Mesmo o fato de um rato está mexendo em alimentos não me causou repulsa, o filme e com certeza fascinante e o veria de novo com inigualável prazer.

toy_story

4) Toy Story (Pixar, 1995)- foi o primeiro filme a utilizar a computação gráfica. Um grupo de brinquedos está nervoso com a chegada do aniversário do seu dono, Andy, e a possibilidade deles serem trocados por um novo passatempo. Os personagens centrais são o caubói Woody, o brinquedo preferido, e o novato Buzz animados com perfeição. Além da inovação tecnológica para a época é um excelente história.

Comentários